Quarta-feira, 13 de Setembro de 2006

O nada fazer ou o que se deseja fazer

Neste momento em que já me encontro a trabalhar

Em que tudo tem que ser feito

Em que existem prazos e urgências

Em que as reuniões se sucedem

Em que não há tempo para tudo

Em que não há tempo para sermos nós

Penso

Penso nos dias de férias

Nos dias de nada fazer

Nos dias em que ao sair da cama não interessa o que se vai fazer

Penso no ir à praia

Ou em apenas ir tomar um café com o meu livro

Ou em entrar no carro e partir

Sem saber para onde

O comer quando se tem fome

Sem se estar espartilhado por horários

O estar numa esplanada desfrutando um pensativo cigarro

Ou devorando as palavras de um livro

Ou mesmo observando pessoas e espaços

O sentir um por do sol na praia

Apenas com a areia por companhia e talvez a ocasional gaivota

Tanta coisa

Tantas sensações

Que teem que ser só nossas

E que nem sempre as conseguimos ter nesta correria

Aqui também é um momento de paz o escrever estas palavras

O partilhar com quem possa sentir como eu

É um momento de fuga que me leva aos locais desejados

Vamos sonhar….

sinto-me : com muita vontade...
música: The air that I breathe - Simply Red
publicado por ZePedro às 13:44
link do post | pensamentos vossos | favorito
|
44 comentários:
De Madalena a 13 de Setembro de 2006 às 14:26
Vamos sonhar sim e fugir também.
Não te apetece fugir às vezes?
A mim, sim
Agora fugia. Para longe, não importa para onde, desde que isso me trouxesse alguma paz interior...
Eu entendo tão bem estas tuas palavras.
Eu sinto tanta falta de tempo para mim, para por os meus pensamentos em dia como costumo dizer.
Sinto tanta a falta de algumas pessoas que são importantes para mim.
Sinto falta de ficar a vegetar no sofá e de acabar por adormecer a ver um qualquer programa na TV ou a ler um livro.
Mas por ora tenho que me mentalizar que não há tempo para aquilo que realmente me faz feliz e andar com a vidinha para a frente, porque não posso faltar ao trabalho , porque contam comigo.
Porque não posso chegar a casa e dizer que hoje não me apetece ter família.
A vida é realmente complicada....
Eu cada vez mais me convenço que preciso do meu espaço, do meu tempo e que cada vez os tenho menos porque há sempre algo ou alguém a precisar de mim e tem que ser naquele momento, mesmo que esse já estivesse mentalmente reservado para mim.
Seria bem mais fácil se as pessoas pudessem viver a sua vida independentemente da dos outros. As coisas realmente importantes não deixariam de ser feitas e todos teríamos o nosso espaço.
Hoje estou melancólica....Hoje apetecia-me namorar...Hoje apetecia-me ficar enroscada em alguém especial e deixar o tempo correr, sem medos, sem pressas, sem compromissos.
Amanhã é outro dia....Provavelmente igual ao de hoje, mas eu não perco a esperança de ainda chegar o dia em que possa apenas e somente ser eu em toda a plenitude, sem explicações a dar.
Adorei o teu post Zé Pedro.
Parece que até te “ouvi” a dizer estas palavras.
Mas vamos a animar um pouco,ok?
Beijocas sonhadoras
Madalena
De ZePedro a 14 de Setembro de 2006 às 10:30
Sonhar é tão bom especialmente sonhar acordado e fugir sim é maravilhoso
Por vezes consigo fugir, por periodos bem curtos é verdade mas é o reflexo da vida que temos e das opções em tempos tomadas.
Mas o fugir por um dia ou uma noite é delicioso o sentirmo-nos apenas connosco no nosso espaço no nosso canto, canto escolhido no momento, só nosso
Estou a precisar de fugir
Não digo vamos
Digo tenho que ir
E quem sabe nos encontramos por lá
Beijo
De Madalena a 14 de Setembro de 2006 às 13:40
Sonhar, é delicioso.
Fugir é necessário, às vezes.
Ter o nosso espaço, é imprescindível.
Ir, é necessário.
Encontrar alguém, é sublime.
Beijokas sonhadoras
Madalena
De ZePedro a 14 de Setembro de 2006 às 16:28
Pegando nas tuas palavras vou-me deixar ir no meu sonho no meu espaço
beijos sonhadores
De Vera a 13 de Setembro de 2006 às 14:40
É tão bom sonhar e ter bocadinhos só para nós... seja para o tal livro, para o tal filme, a tal coisa que queremos fazer com tempo!
Por isso esses pedacinhos só para nós são tão importantes, e quando os temos, devemos disfrutá-los ao máximo!
De ZePedro a 14 de Setembro de 2006 às 10:30
E nunca devemos passar sem eles de modo nenhum
Beijos para ti
De FM a 13 de Setembro de 2006 às 15:16
bora lá sonhar....
os meus sonhos culminam sempre em dois desejos, para não julgarem que sou muito egoísta, se realizasse só um deles, ficaria feliz...
ora bem, um, é sair-me o euromilhões, e não fazer mais nada o resto da minha vida, senão cuidar da casa, dos meus filhotes e do meu marido (e viajar uns 3 meses por ano).
o outro é casar-me com um homem muito rico e não faer mais nada o resto da minha vida senão, cuidar da casa, dos meus filhotes e do meu marido (e viajar uns 3 meses por ano).
acho que não peço muito...
BJ

FM
De ZePedro a 14 de Setembro de 2006 às 10:32
Dois sonhos? Eu só vi um com dois caminhos...
Mas um optrimo sonho sim
Toca a realizares
Beijos
De Ana a 13 de Setembro de 2006 às 15:41
Aceito o teu desafio e vamos sonhar sim, hoje, amanhã e sempre, no meu caso, sonhar é das coisas que mais me acontece, por motivos a que o percurso normal da minha vida me conduziu, o rumo que segui não foi o que sonhei enquanto adolescente, por isso continuei a sonhar sempre e cada vez mais e hoje enquanto mulher, mãe, avó, sonho com um mundo melhor, mais justo com oportunidades iguais para todos, onde cada um tenha possibilidade de tempo e espaço para si, sem se preocupar se ao tirar um pouquinho desse tempo ao trabalho à família , não está a cometer um grande "pecado".
Continuo a sonhar com passeios de mão dada à beira mar, em silêncio. Agora que aqui começou a chuviscar, sonho em enroscar-me no sofá com o meu sonho, trocar carinhos, conversar ou tão só ficar lá.
Sonho com momentos só meus, sem ter de responder porque fiquei calada, porque deixei cair uma lágrima , porque sorri, ler os meus livros em paz sem pensar que estou a "perder tempo", pois tenho um relatório para acabar, a roupa para engomar ou o jantar para fazer.
Bem tenho de acordar agora, tenho trabalho, estão a chamar-me, vou deixar os meus sonhos para mais logo, para as noites de insónia, que já vão sendo muitas.
Ainda bem que este teu espaço, Zé Pedro, me deu a possibilidade de partilhar os meus sonhos com quem os ler e sinta da mesma forma.
Hoje estou naqueles dias em que precisava mesmo do meu espaço, de tempo só para mim, amanhã será melhor de certeza, sonho com isso.
Beijos
Ana
De ZePedro a 14 de Setembro de 2006 às 11:53
Sonha sempre minha amiga
Este é um espaço para que todos possamos sonhar
Em que podemos expressar sem medos nem receios o que sentimos e pensamos e onde temos apoio e criticas quando se impõe.
Mas sempre no sentido de tudo melhorar
E sempre que queiras de um modo virtual tens aqui um espaço em que podes ser tu sem mais ninguem a te incomodar
Beijos
De Maria Alfacinha a 13 de Setembro de 2006 às 16:09
Gostei dos "dias de nada fazer".
Veio mesmo a propósito da chuva :-)
Beijo
De ZePedro a 14 de Setembro de 2006 às 11:56
São tão bons não são?
mas gosto mais deles com o sol laranja do Outono
Beijos
De lt a 13 de Setembro de 2006 às 17:07
Tenho de lhe dar os parabéns pelo post de hoje, sim quem não sonha com isso sim de nada fazer ou fazer só aquilo que realmente sai de dentro de nós.
Todos e todos os dia vivemos só para o trabalho e mais nada, mas chegamos a um certo dia que já não temos forças para continuar a fazer sempre o mesmo trabalho, ainda mais quando as ferias não são gozadas ou aproveitadas como deveríamos aproveitar, mas lá vamos nós continuando a trabalhar, mas com o tempo os sonhos vão-se desvanecendo da nossa mente, e ai só nós resta trabalhar e trabalhar nada mais.
Por aqui me fico, mais nada tenho a dizer.
Bons sonhos para si , pois outros já nem isso tem.
Tomara eu saber fugir.
nasombradaspalavras
De ZePedro a 14 de Setembro de 2006 às 11:58
Agradeço os parabens mas o que eu queria era mesmo que quem me lesse sonhasse e fugisse para o seu canto.
Que tivesse o seu espaço mesmo que por pouco tempo.
Para que cada um pudesse viver um pouco para si para ser quem realmente o é lá no seu fundo.
Vamos fazer isso?

De lt a 14 de Setembro de 2006 às 12:40
Lamento, mas não vamos não, a realidade esta sempre aqui em todos os dias que se acorda.
Ai os sonhos não entram.
Bons sonhos nem que por pouco tempo o seja.
De ZePedro a 14 de Setembro de 2006 às 16:31
Só não vais se não quiseres
O sonho é livre e alimenta a alma
Só não sonhas se não quiseres
Deixa-te ir vais ver que te vais sentir melhor
De Angela a 13 de Setembro de 2006 às 22:15
Sonhar é viajar sem sair do lugar!
Por isso os teus sonhos são férias!
Então sonha o mais que puderes!
De ZePedro a 14 de Setembro de 2006 às 12:01
Sonhar é tudo isso mesmo
E vou sonhar sim e muito
E sonha tu tambem
beijos
De Lobaaaaaaaaaaaa a 14 de Setembro de 2006 às 10:24
Hoje não me apetece fazer nenhum, apetece-me ser 'dondoca'...que acha?

Pois é...hoje só vou trabalhar 4 horas, vou almoçar com uma amiga, vou comprar um fato para o inverno, vou ao cabeleireiro e... vou a um jantar com colegas e amigos. Isto parece que é fazer nada, mas aposto consigo que amanhã vai ser terrivel acordar para ir trabalhar!

Mas não sou sempre assim... é só hoje, que tirei o dia para mim.

ahahahahhahahahahhaah

[Beijos em parenteses rectos]
De ZePedro a 14 de Setembro de 2006 às 12:04
Pois a parte do "dondoca" acho que não condiz muito com o que eu conheço mas registo.
Mas tudo isso não é fazer nada é fazer algo de que se gosta e que te dará prazer de certeza.
Mas não tirastes o dia mas apenas parte dele mas sabe tão bem fazer o que desejamos nem que seja em apenas uma parte de um dia.
Mas era tão bom poderes ser sempre assim
Beijos sem parenteses
De Lobaaaaaaaaaa a 14 de Setembro de 2006 às 18:51
Foi tãoooooo bommm... o diaaaaaa (roa-se de inveja... ahahahahahahahahha).

[Beijos, sempre entre parenteses]
De ZePedro a 15 de Setembro de 2006 às 09:07
E ainda falastes apenas do dia
E a noite?
Pois tudo é um conjunto
(ainda explicarás um dia os parenteses)
Beijos
De Lobaaaaaaaaaaaaaa a 15 de Setembro de 2006 às 21:42
Nem lhe conto... a noite... hummm...

[Beijos entre parentese, sem explicação, por enquanto...que eu gosto do enigma].
De ZePedro a 18 de Setembro de 2006 às 09:20
Enigmas são sempre coisas extremamente interessantes
Mas agora a noite....
Podes não contar mas terei o direito de imaginar.....
Beijos extremamente imaginativos
De Lobaaaaaaaaaaaaa a 21 de Setembro de 2006 às 14:02
Imagine...imagine...

[[[[[[ Beijos ]]]]]
De ZePedro a 22 de Setembro de 2006 às 12:32
Pois imagino sim mas não conto o que imaginei, ainda ias aproveitar a minha ideia....
Beijos depois de imaginar
De Maeve a 15 de Setembro de 2006 às 10:30
Fazer ou não fazer...
Eis a questão!

Beijos repenicados
De ZePedro a 15 de Setembro de 2006 às 11:27
Faz apenas o que desejas nada mais
Beijos sonoros
De FlordeLis a 15 de Setembro de 2006 às 19:27
Bem, os sonhos não costumam variar muito,mas o importante é continuarmos sempre a sonhar ou a reviver momentos que nos deram realmente prazer. E até no meio do trabalho, pudemos tirar algum prazer disso,imaginando que ali mesmo ao lado se ouvem as ondas do mar, que a tua secretaria se transforma numa mesa de esplanada e as vozes que se ouvem mesmo ali ao lado são de mulheres interessantes que chamam por ti... que tal, hum?
Gostaste da visão?

De ZePedro a 18 de Setembro de 2006 às 09:23
Pois foi uma optima visão que nos pode transportar a um mundo de sonho...
Um bom inicio de uma história...
Beijos

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Maio 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.pensamentos recentes

. Desejar e querer

. Dia de lembrar o primeiro...

. Dependencias

. Escutas Telefónicas

. Indignação

. Dia Mundial do Beijo

. Desodorizantes

. Escrita

. Cena do quotidiano

. Horários

.arquivos

. Maio 2010

. Abril 2010

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

.Locais com imenso interesse

blogs SAPO

.subscrever feeds